Follow by Email

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Perfil do Bibliotecário - Marta Avelar

Marta Avelar, 27 anos, sou ludovicense de carteirinha. Meu hábito de leitura começou no ensino médio com as aulas de literatura brasileira. Sempre fui considerada pelos meus saudosos amigos da UFMA como Bob do desenho animado "O fantástico mundo de Bob" ou a mulher do Taz (só para os íntimos) devido a gostar de comer muito... kkkk! Atualmente trabalho na Academia de Polícia Civil, na biblioteca e no setor de arquivo.

Um livro? 
“Memórias de uma Gueixa”.
Um filme? 
Podem falar mal, mas eu amo a trilogia “Senhor dos Anéis”, não consigo parar de assistir!!! E para os fãs vem aí o filme “O Hobbit: uma jornada inesperada” de Peter Jackson (adaptação do livro antecessor à trilogia).
Uma frase? 
I’m Brazilian and I never give up!!!!!!!!!!
Trabalha em que tipo de Biblioteca?
Biblioteca Especializada da Academia de Policia Civil do Maranhão.
Qual imagem tem do Bibliotecário? 
Guerreiros, independentes e inteligentes. Por sinal, fico muito feliz com a quantidade de colegas que estão passando no mestrado. Felicitações a minha amiga Diana, que defendeu sua dissertação de Mestrado em Educação, brilhantemente no ano de 2011. (Di, quando crescer quero ser igual a você!)
Qual imagem acha que passa para o usuário? 
Uma bibliotecária séria, que com a convivência, torna-se uma “meninona” para os da casa e bacana para os alunos.
O que te diferencia de outros profissionais? 
Olha, só posso te dizer que trato todos bem e tento ajudar sempre. Morro de medo que algum usuário saia da biblioteca e comente lá fora que foi mal atendido... (Kkkk), pois alguns funcionários públicos são complicados... Mas nada que uma boa conversa não resolva.
Qual o maior mico que já pagou numa biblioteca? 
Graças a Deus não me recordo de nenhum!!! (Kkkkkkkk)
Qual o seu Hobby? 
Cinema!!!!! Gente, feliz o homem que inventou o bom e velho cineminha...
Qual o seu maior sonho? 
Conhecer Paris!!!
O que faz fora da Biblioteca? 
Tudo de bom!
Quais ações culturais você realiza ou gostaria de realizar? 
Como trabalhamos com ensino policial, as coisas aqui são mais técnicas, mas gostaria de desenvolver projetos culturais com crianças, como as realizadas no Farol da Educação nos meus tempos de estágio...
Por que escolheu o curso de Biblioteconomia? 
Engraçada a minha escolha. Estava com o guia da UFMA, sentada nas escadarias da Biblioteca Pública, pedindo a Deus que me iluminasse. Bem no inicio olhei o curso e claro que um dos primeiros motivos foi: baixa concorrência e depois porque o instrumento de trabalho era a leitura, um dos mais bonitos hábitos que desenvolvi no Liceu Maranhense, devido as aulas de literatura. E ai puf! Marquei esta opção.
Quais são suas expectativas para o futuro profissional? 
Menina vou te falar, fazer mestrado urgente, pois a galera está estudando mesmo, foi-se o tempo que só a graduação e especialização bastavam. Hoje, se você não continuar seus estudos, ficará para trás num piscar de olhos. Por isso, Políticas Públicas aí vou eu!!!!! (Kkkk)
Biblioteconomia foi sua primeira opção ao prestar vestibular? 
Não. História foi a primeira.
Você acha que o campo da Biblioteconomia ainda é visto como um campo dominado por mulheres? 
Não como há uns 10 anos atrás, os encontros regionais e nacionais são a prova disso.
A melhor lembrança que teve da graduação? 
A boa e velha feirinha no Reviver onde todos conversavam, choravam as mágoas (principalmente depois das provas de Georgete), comemoravam as vitórias (notas boas nos trabalhos, estágios que conseguíamos) e claro altas fofocas sobre o mundo da biblioteconomia (kkkk). Resumindo: tudo era motivo pra beber! Ô povo festeiro!!!
A melhor lembrança que teve da profissão? 
Quando participei do projeto de Criação dos Conselhos Comunitários de Segurança Pública nos municípios do Maranhão. Percebi como a informação pode mudar a realidade social das pessoas.
Como você analisa o Mercado de trabalho? 
Aqui no Maranhão, acredito que ainda esteja difícil. Até hoje encontro algumas amigas que não trabalham na área, outras que ainda estão desempregadas (realidade triste!). Por isso, vamos estudar para concurso que este ninguém tira!
 Fonte: http://ascoisasdabiblio.blogspot.com/2012/02/perfil-do-bibliotecario-marta-avelar.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva aqui seu comentário